domingo, 6 de maio de 2012

CRÔNICAS NA ESCOLA

Nem sempre o professor é feliz ao propor uma tarefa, às vezes, as coisas acontecem de maneira contrária a esperada, como aconteceu com a postagem anterior. A maioria da turma não sabe usar o espaço do blog para deixar suas ideias e opiniões. Algumas vezes o problema é técnico, escola sem internet, colegas que excluem o arquivo, falta de tempo...O melhor mesmo é quando os alunos conseguem surpreender e superar as expectativas e posso dizer que quase chorei de rir ao ler as crônicas que criaram em aula. A ideia era que usassem histórias e situações vividas trocando os nomes e tentando mostrar o que os incomoda na escola. As críticas não são fáceis de serem lidas, porque muitas vezes eles nem sabem ao certo porque não gostam do uniforme ou de um determinado professor... até mesmo porque esta é a idade do contra, contra tudo. O legal é que possam se ver nos textos dos colegas sem que isso traga algum tipo de constrangimento, afinal, acho que uma das funções da escola é que se ensine a argumentar. Boa leitura!!!

31 comentários:

  1. A ESCOLA

    Nessa escola havia muitos conflitos entre alunos,por desentendimentos bobos,por garotos,por não se gostarem e por não se entenderem.
    Essa menina chamada Franciele ,causava problemas,discussões com professores e não levava desafouros para casa.
    Nessa escola havia uma professora de espanhol ela era rigida, e também não aceitava ser contrariada,ou debochada por algum aluno,tinha uma personalidade forte. E então a aluna e a professora nunca se acertavam por que a aluna não entendia o espanhol que ela explicava. Até que um dia finalmente elas se entenderam.

    ResponderExcluir
  2. A escolinha
    Nas escolas muitos alunos não gostam de uniformes.Mas o maior conflito é com os professores(as).
    Professoras loiras são um saco, sempre querendo mostra que quem manda são elas.Algumas são legais, outras não, umas que intimidam os alunos, explicam bem , mas o jeito que eles são da medo.Professoras que acham que as regras das escolas são acima de tudo, algumas regras até devem ser, mas outras não.Professores que pegam no pé do aluno, marcam em cima é chato mas eles fazem isso para os alunos aprenderem.
    Professores de óculos são os que mais intimidão e põe medo, mas são os que mais explicam bem.Também tem professores que entendem os alunos, conversam com eles e sempre buscam ajuda-los, não só em sua matéria mas como as de outros professores.

    Nome:Wagner Turma:82

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O surgimento do uniforme
      caos total
      Antigamente,todos os alunos usavam algumas roupas que tinham e não tomavam chingao da diretor scheneygter.
      Agora com o surgmento do uniforme alunos discutem com os professores.Num dia a professora refletiu com um aluno e ele disse:
      -Asora,eu vim sem o casaco hoje.
      -Tá bom.mais voce ganhou dois casacos esse ano e tinha outros do ano passado-e ele disse-mais ta sujo.
      -Mais hoje é segunda.voce deveria ter pelo menos um casaco.
      -Aaaah!!!Mais sora esse daqui que eu to é mais quente.
      -Mais pense .se você usar o uniforme você vai ter alguma coisa boa.
      -O quê???
      - você vai ter roupas para sair ,vai ser igual a todos.
      -Tá bom sora você me convenceu a usar o uniforme.
      No dia seguinte ele chegou co todo o uniforme e ganhou elogios e ate uma nota extra.
      The end
      nome:Erick turma:82

      Excluir
    2. ESCOLA VERMELHA


      Um dia não tão distante, havia uma escola que se chamachamava escola vermelha.
      Nessa escola vinham acontecendo uma série de conflitos entre alunos e professores,e alunos com alunos. Esses conflitos de uma certa forma estavam deixando tudo mais dificil, e o clima muito pesado. Dificil o dialogo amigável , dificil uma solução para aquele problema que não era simples para aquela escola,mas a solução estava tão perto e simples, mas não viam.
      Pessoas acham muitas vezes que para resolver o problema, precisam ser mais imperativas que os outros, já na opinião de também muitas pessoas a solução para o problema da escola era muito mais simples sabe qual é ? o simples ato de ceder tentar ouvir sempre as duas partes dos problema para tentarb resolve-lo de uma forma amigavél.
      Sim, talvez o problema dessa escola seja a falta de dialogo amigavél, a compreenção entre alunos e professores.
      Muitas pessoas acham que tendo respeito compreenção e dialogo se vai a muitos lugares,para ter uma boa convivência entren todas daquele meio, esses itens são indispensaveís.

      Nome: Lucas Dias
      Turma: 82

      Excluir
    3. , A escola..

      Tem um colegio na granja em que existe um certo costume de algumas menias que querem ser melhor que os outros, como por exemplo,existe um grupinho das meninas que se chamam Maria, Claudia e Marli , elas querem da uma de brabona sabe? mais ela não são nada, tão tudo na 5° 6° série , e a menina chamada Renata ,se sente mal por causa dos constrangimentos que esse grupinho de meninas fazem ela passar todos os dias, depois de muitos dias de tristesa , essa menina resolveu conversar com a diretora , pra ver oque dava pra fazer para essas meninas pararem de deixa-lá mal , tudo parecia está bem.. mas passou uma , duas semanas e essas meninas voltaram a mecher com Renata, ela estava cada vez mais triste e envergonhada , até que um dia que ela chegou na mãe dela e disse que iria parar de estudar..

      Débora Rodrigues - turma: 81

      Excluir
  3. A escola

    Numa cidade chamada Hestefaniaco Bucorguin havia uma escola com o nome de Juanito Vieira, nessa escola havia muitos alunos que não gostavam de usar o uniforme , inclusive uma menina ruiva de olhos azuis .Ela nunca ia de uniforme ela reclamava porque o uniforme era amarelo com estrelinhas azuis .Um dia pediu para sua professora de espanhol para ela ir falar com o prefeito marco antônio .Quando a professora foi falar com o prefeito ela se apaixonou pelo prefeito e ele se apaixonou pela professora e eles acabaram ficando juntos eles decidiram que ninguém mais precisaria usar o uniforme.
    Quando os alunos da escola ficaram sabendo eles ficaram muito felizes e a menina que sempre reclamava do uso do uniforme ficou triste por que iria sentir falta do uniforme.
    Camila 82

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Papa Jogos 1

      Em uma escola chamada Papa Jogos 1, havia uma diretora chamada Aranis que cuidava da escola, onde não precisava vir de uniforme nem mesmo levar material escolar. A diretora deixava levar celular, tablet e até notebook e o que quisessem trazer para aula.
      Mas os alunos eram muito aplicados nos estudos e achavam que a diretora estava totalmente errada por não botar regras na escola Papa jogos 1.

      Nome: Lucas Pocai Lopes.
      Turma: 82.

      Excluir
  4. SÓ QUEREM MOLEZA


    Os alunos da escola São Paulo tinha uma professora muito chata,ela passa provas orríveis,as provas delas são muitos dificil,os alunos nunca tiravam notas boas sempre notas baixas da média e ninguém gosta das aulas dela, mas fazer o que tem que estuda a matéria dela,é pro futuro.
    E tinha a professora legal que os alunos achavam ela muito legal,elogiavam ela miuto,até um dia a diretora começou a desconfiar o porque os alunos elogiavam tanto aquela professora,descobriu que os alunos só gostavam da professora porque ela deixava mecher no celular,escutar mùsica.E a diretora dispidio a professora,e começaram a implicancia com a diretora,e todas as professoras viram que a os alunos queriam só moleza e não era a professora que era ruim era os alunos que não gostavam da professora mesmo.



    NOME:EDUARDA GOMES
    TURMA:82

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nome:Mateus dutra gawleinski Turma:82 Data:07-5-12

      Conflito na escola
      O colégio Bolinha Marron é obrigatorio usar uniforme.
      O professor se chamava Ronaldo,ele era professor de jiu jitsu mas dava aula de matematica ele explicava tudo errado.
      Cada aula que ele dava os alunos tiravam as bolinhas marron do uniforme.
      Os alunos incomodavam muito? Um dia os alunos queimaram o caderno do professor.
      Na aula de educação Fisica os alunos quebraram o ginàsio eles queriam botar fogo mas a diretora Joaquina não deixou,a diretora levou todo mundo para a direção.
      Como castigo a diretora mandou os alunos lavar o banheiro e limpar as salas de aula.
      O professor Ronaldo se demitiu porque não aguentava mais a bagunça dos alunos e a diretora expulsou os alunos do colégio.

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
  5. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  6. BRIGAR? POR QUÊ ?

    Era manhã de segunda-feira, próximo as 9 horas da manhã. Os alunos de uma turma estavam na aula de educação física, mais precisamente no ginásio da escola Albert Eistein.
    Haviam acabado de realizar a atividade proposta pelo professor, sendo liberados para o jogo livre.
    Dois alunos acabaram se desentendendo, devido à uma dividida de bola.
    Por que você fez isso? - perguntou um deles.
    Então o outro respondeu:
    A culpa é sua, essa bola era minha.
    A briga persistiu, até o momento em que eles pararam de se agredir verbalmente e partiram para a agressão física.
    A professora transtornada, chamou a diretora, que junto com alguns colegas separou a briga. A diretora então, levou os dois para a diretoria e com a supervisão chamou os pais dos alunos para conversar.
    Após algum tempo de conversa, hávera saído a decisão da diretora;
    Os dois serão suspensos, ambos por 5 dias, pois o que fizeram não é uma atitude de pessoa, e sim de um animal. Se por acaso acabarem brigando denovo, o que eu espero que não aconteça, os dois serão expulsos.
    Os alunos foram trocados de turma e levados embora por seus pais, os quais não gostaram da briga e castigaram seus filhos com perdas materiais.
    Emfim, os garotos entenderam que brigar por um jogo não leva à nada.


    RICARDO LOPES
    T: 81

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Paulinho era um menino muito triste, pois se sentia feio e diferente por ter que usar o uniforme vermelho.
      Se sentia ridiculo e muitas vezes ia para diretoria por não ir para o colégio de uniforme.
      Paulinho era gordinho e seu uniforme já era pequeno então ficava um horror e todos seus coleguinhas zombavam dele. E Paulinho ficou eternamente triste até o final do ano em que mudou de colégio.
      Nos anos seguintes nas outras escolas ele estava muito feliz,
      pois se adaptou com seus coleguinhas pois todos eram gordinhos que nem ele, e podia ir com a roupa que quisessem, mais não muito vulgar.
      Então Paulinho ficou muito feliz e conseguiu terminar seus estudos, fes faculdade de medicina e se tornou um grande dançarino profisional que sonhava em ser , e se tornou muito famoso e no futuro virou professor de dança.
      THE END...
      Poor: Miriã Elisandra.
      Turma 81

      Excluir
  7. O uniforme

    A professora chega dentro da sala falando para os alunos:
    -Bom dia alunos!
    -Bom dia profess!
    Então um aluno fala para a professora:
    -Professora cadê o uniforme?
    Então a professora responde:
    -Não vim com o uniforme porque eu o deixei na costureira,para ajeitar,dar uns retoques.
    No momento outro fala para professora:
    -Mas isso não é justo nós usamos toa vez o unifoeme e as vices e diretoras nos cobram quando não usamos,deveriam cobrar de vocês também.
    A professora se sente culpada porque não veio com o uniforme e os alunos se sentem injustiçados e começam a reclamar com ela,outroalunofala:
    -A lei do uniforme é para todos,se nós não usamos o uniforme que é um pouco horrível que é de cor verde e eles nos cobrsm,deveriam cobrar de vocês do mesmo jeito.
    A professora ficou chateada mas pensou que vai usar o uniforme para não acontecer esse debate.

    RAFAEL SAMPAIO
    TURMA: 81

    ResponderExcluir
  8. A importância do uniforme

    Havia uma menina chamada Anah. Ela adorava ir para escola.
    Certo dia ela chegou em sua escola e viu as outras crianças usando um uniforme. Naquele momento ela não gostou muito da idéia, ficou irritada e rejeitou o uniforme, mas ela teve que usar.
    Passaram algumas semanas e ela percebeu a importância do unifome. Jovens que antes eram vítimas de críticas e risadas por causa de suas roupas nunca mais foram críticadas, a segurança na escola aumentou e as crianças que tinham poucas roupas para irem para a escola não tinham mais preocupações. Ela percebeu que o uniforme era uma boa idéia e tinha suas vantagens.

    Nome: Bárbara
    turma:81

    ResponderExcluir
  9. Críticas levam a briga

    Um dia na escola Micalatéia da silva XV , dois meninos Joaquim e Joãozinho estavam um ao lado do outro para a hora cívica, derrepente um pisou no pé do outro, e ele falou:
    Não pisa no meu pé, estou com meu tênis novo.-Gritou Joaquim.
    Há há ! Agora seu tênis está sujo, e o meu está novinho e sem nenhuma sujeira. - Respondeu Joãozinho.
    Você acha que seu tênis vai ser novo pra sempre ? - Perguntou Joaquim.
    Acho sim !Minha mãe lava ele bem lavadinho.
    Você é muito preguiçoso, não lava nem seu tênis, você é um imprestável mesmo.
    Do que você me chamou ? Se você fala isso mais uma vez eu juro que arrebento sua cara.
    Imprestável !!!
    Agora eu vou te arrebentar.
    E os dois começaram a brigar, até que a diretora chegou, e disse:
    Parem de brigar os dois, agora !
    E levou-os até a diretoria, chegando lá perguntou aos dois:
    Qual foi o motivo da briga ? -Perguntou a diretora.
    Foi porque ele pisou no meu tênis novo. -Respondeu Joaquim.
    Foi porque ele me chamou de imprestável. - Respondeu Joãozinho.
    E a diretora falou:
    Só isso ? Vocês dois brigaram por coisas poucas, isso que vocês estão fazendo é se criticando, vocês dois se criticaram por isso brigaram, cada um de vocês tem custumes diferentes em casa, e algumas coisas que não significam nada na casa de alguns de vocês, significam muito na casa de alguns, agora estão liberados e espero que isso não torne a acontecer.
    Depois desse dia os dois ficaram muito amigos e guardaram as palavras da deretora para o resto de suas vidas.

    Nome: Tiago duarte

    Turma:81

    ResponderExcluir
  10. Conteúdo excessivo

    hoje atualmente eu protesto contra as(os) professores que passam muito conteúdo em um só dia (que passam conteúdo excessivo para os alunos).
    Conteúdo de mais em um só dia desgasta de mais os alunos cansam mais,e não consegue absorve
    o conteúdo passado pelos professores.
    Não conseguem muitas vezes nem absorver
    a explicação dita pelos professores e pela direção que auxiliam os alunos a aprenderem (eles servem para:
    auxiliar ,orientar,contribuir.)
    eles fazem o possivel para nos a judar independente o que for .


    escola:E.M.E.F.João Paulo I.
    nome:Everton .C. Souza.
    turma:81
    sala:01
    prfessor ª: Angélica.

    ResponderExcluir
  11. Recreio

    Julie terminava de copiar quando o sinal tocou para o recreio, todo mundo empurrando para descer as escadas primeiro, três minutos já perdidos nessa confusão.
    Hoje Julie resolve ir na merenda, pelo visto deve ser boa porque a fila está enorme, seis minutos perdidos só na fila da merenda.
    Ela vai vai ao banheiro e têm um monte de gente querendo ir ao mesmo tempo, então lá se foi cinco minutos perdidos.
    Finalmente ela chega em um banco para descançar e o sinal toca novamente, avisando que o recreio acabou.

    Nome: Milena
    Turma: 81

    ResponderExcluir
  12. Uniforme

    A escola Camaqua é o terror de alguns alunos. Alguns negam, dizem que não vão usar uniforme.E o porque dessa negação, talves seja por estilos diferentes?! Conversando sobre o isso estavam dois alunos e um professor:
    ─ O uniforme é uma coisa muito boa- disse um aluno-, tira a desigualdade social.
    O professor concorda dizendo:
    ─ Esse é um aluno exemplar- e continua-, os alunos devem obedecer as regras sem questionar.
    O outro aluno, escutando o professor falar tudo aquilo sem entender o ponto de vista dos alunos, questiona:
    ─Talvez sim professor, os alunos devem obedecer as regras, mas não querer usar uniforme seja uma questão de gosto ou estilo.
    Esse aluno não gosta de usar o uniforme por causa da cor, por ela não ser da cor da camiseta do time do coração.Em seu ponto de vista aquilo era humilhante.
    O professor ouvindo aquele questionamento disse:
    ─Eu entendo seu jeito de pensar, mas então se o problema é a cor do uniforme talvez seja melhor procurar outra escola.
    ─É professor é melhor mudar de escola, assim me sintirei melhor.

    Nome: Mateus L. Dias
    turma :81
    sala:01
    professor(a):Angelica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A indisciplina!
      Duas professoras indisciplinadas se agridem verbalmente e fisicamente no recreio.

      Professoras

      As professoras Juliana e Diana se detestam, não podiam se ver. No intervalo elas estavam falando absurdo uma para outra e logo, a briga começou. Dois alunos observavam tudo com um olhar apavorado.
      A atitude delas não era comum para eles, as outras professoras não estavam nem ai, estavam ate incentivando a briga.
      Então um aluno diz:
      ― Que absurdo, que mal exemplo!
      Logo o outro responde:
      ― Concordo , como pode, logo elas que falam tanto sobre a diciplina e tal!
      ― Onde esta a disciplina delas?
      Os dois foram ate a diretoria e reclamaram para a diretora.
      ― Diretora Flávia, prof.Juliana e Dianase rolando no chão!
      ― O quê?
      ― Elas estão se pegando no pau! Entendeu?
      ― Ata!
      Disse a Flávia!
      ― Como assim?
      Eles indignados saíram da sala e se deparam com aquelas professoras tão indisciplinadas sem moral nem uma. E resolveram acabar com aquela situação, separando-a.


      Tarisi, t. 81

      Excluir
    2. Brigas nas escolas entre alunos. As vezes por motivos RIDÍCULOS eles acabam em brigas...

      MOTIVOS RIDÍCULOS

      Hoje em dia as pessoas pessoas brigam sem ter necessidade ,bom,nenhuma “briga” é necessária, mas as pessoas não conseguem entender isso.
      Em uma escola duas amigas Paula e Fernanda nunca ficaram separadas uma da outra,eram muito,muito amigas ,elas também nunca haviam discutido ou brigado. Um certo dia Paula falou para Fernanda que estava gostando de um garoto. Fernanda perguntou quem era,e Paula falou,depois que ela contou Fernanda foi falar com o garoto foi falar com ele,e passou,passou uns dias e o garoto falou para Fernanda qu estava gostando dele.
      Então Fernanda ficou preocupada com essa situação,pois estava tentando fazer com que o garoto gostasse de paula,e não dele. Ela não sabia como ia contar para paula o que estava acontecendo, mas tinha que contar de qualquer forma. Assim Fernanda foi até paula e contou. Paula ficou muito triste,e magoada com Fernanda ,mas não podia fazer nada para mudar isso.
      Nos dias seguintes Paula não conseguia nem olhar para a cara de Fernanda. Até que Fernanda se irritou e foi falar com Paula,mas as duas começaram a discutir e brigaram. Bom,as duas perderam uma amizade bonita.
      Passaram meses,e um dia Paula decidiu acabar com aquela “idiotice”, e foi falar com a Fernanda,assim as duas conversaram e se entenderam, e enxergaram que nada mais “RIDÍCULO” para fazer as duas brigarem.
      E hoje as duas são muito mais ligadas do que antes.

      Quetelim, t. 81

      Excluir
    3. EMEF JOÃO PAULO I

      O uniforme
      O uniforme é muito discreto já foi criada a lei do uso obrigatório desse uniforme antes não havia essa lei. Hoje tem por causa da prefeitura que achou melhor para os alunos,assim vai ter a identificação de todos que são da escola com essa decisão teria mais segurança.


      Julio Cesar Turma:82

      Excluir
    4. A ESCOLA DAS DIFERENÇA

      Em uma escola do interior,apesar de ter poucos alunos havia um grade problema. Os alunos se tratavam com muita diferença(desprezo).
      Eles se olhavam com olhar de desprezo um pelo outro,mesmo tendo que usuram uniforme um uniforme azul com bolinhas roxas,os alunos aiada tinham bastante desprezo pelos colegas.
      Todos faziam seus grupos,tinha grupos que diziam que era o grupo das descoladas,outros eram os grupos dos famosos nerds e outros vários grupos.
      Isso acontecia normalmente entre os alunos maiores,os mais pequenos não tinha eles até brincavam entre si,a diferença que os pequenos faziam entre eles não era sociais eles se separavam entre grupos de meninas e meninos.
      Essa é a escola das diferenças!


      NOME:Ingrid TURMA:82

      Excluir
    5. Alunos x professores


      Aquela sala de aula mais parecia um ''inferno'', tanto para os alunos quanto para os professores.
      Para os alunos a escola era horrível,merenda ruim,,professores chatos,e o uniforme? Esse todos detestavam, falavam mal dos professores, brigavam uns com os outros, reclamavam, parecia uma guerra: alunos x professores.
      Mas, mal sabiam ou pensavam os alunos que os professores também os detestavam, claro, 4 horas aguentando gritos e reclamações de crianças irritantes, é pra qualquer um ficar furioso, os professores também brigavam entre si, também reclamavam dos alunos, do salário,enfim...
      Mas apesar de tudo,todo aquele ''inferno'' começava de novo no outro dia,e iam porque queriam,precisavam,difícil é entender que cada um traz seus problemas e preocupações. Os professores não ficavam de mal com os alunos nem batiam com a cabeça deles na parede, não mesmo!
      Porque nem tudo era tão ruim, e porque ainda existia respeito.
      E nessa guerra ninguém perde, ninguém ganha.

      Nome:Deise
      Turma:82

      Excluir
    6. ESCOLA AMIZADE
      EM UMA CERTA ESCOLA CHAMADA “AMIZADE” TINHA ALUNOS QUE GOSTAVAM DE FAZER BRINCADEIRAS BOBAS NA HORA DO RECREIO. ESSAS BRINCADEIRAS “BOBAS” TINHAM UM PORÉM, QUASE SEMPRE TERMINAVAM EM BRIGAS.
      E ISSO ERA UM PROBLEMA PORQUE DEPOIS DO RECREIO QUASE SEMPRE
      TINHA GENTE NA SECRETARIA. ISSO ERA RUIM,PORQUE OS ALUNOS PERDIAM AULA.

      NOME: Cleitomar Quoos Boita.
      T:82

      Excluir
  13. A terrível escola

    As aulas começaram, alguns alunos vinham sem uniforme porque era verde com amarelo. Era feio mas eram obrigados a usar este uniforme.
    A diretora era muito rígida, ela não deixava os alunos entrarem na escola se não tivessem o uniforme. As vezes as professoras chegavam atrasadas, vinham de mau humor e descontavam nos alunos, coitados deles!
    Sofriam naquela terrível escola, ainda mais com uniforme verde amarelo. Para muitos alunos, as professoras eram bruxas, eles tinham medo delas.


    Nome: Caroline
    Turma:82

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir
  14. Zé morcegão

    Eu chego ate a me arrepiar quando eu conto esta história, por que ,lá na escola que eu estudo há um zelador muito estranho porque me contam que ele só sai a noite.
    Um dia eu estava sozinho,porque a professora Juliana tinha me pedido para busca umas folhas na diretoria com a diretora Joseane,eu havia passado por ele de dia e em oito anos que estudo aqui na escola eu nunca tinha visto ele sair,e quando eu passei por ele e percebi que suas orelhas eram meio pontudas e ele fedia a cachorro molhado e no seu uniforme estava escrito José que acho que era seu nome e seus olhos eram negros por completo,que medo qu sai como um cão em tiroteio não sabia onde ia.
    No mesmo dia eu contei para os meus amigos, eles ficaram só rindo de mim,como eu tenho a fama de mentiroso eles não acreditaram em mim e eu contei para eles que ele só saia a noite e só de curiosos me disseram assim:
    — Hoje a noite nos iremos ver qual é a desse zelador carinha de coelho ai.
    Mas eu me borrando de medo disse:
    — Não façam isso vocês só iram se borrar de medo e antes que aconteça isso eu vou impedi-los.
    — Que nada não vai acontecer isso não nós somos muito corajosos e se você tentar nos impedir nós iremos te quebrar a pau,diz os meninos.
    —Então ta bom,eu disse
    Neste mesmo dia depois que os alunos que estudavam a noite saíram e não havia mais ninguém na escola,como haviam dito que só o zelador fica cuidando a escola, os rapazes saíram de sua casa e foram para o colégio , como o portão estava fechado eles tiveram que pular o muro.
    Os meninos bem felizes dando umas voltas pela escola, até que eles ouviram um barulho na sala do zelador e forma ver.
    Quando eles abriram a porta o zelador havia virado um morcego dizendo:
    —Vou faze-los picadinho.
    Todos os meninos saíram correndo da escola pularam o muro e forma para suas casas apavorados.
    No dia seguinte eu perguntei para eles:
    —E ai como foi lá?

    Eles gaguejando falaram:
    —Eeeu vivivivi uum momorcecego gigigigantesssco.
    —Eu avisei vocês e vocês não acreditaram em mim.
    —Nos desculpe nos não acreditamos em você>
    —Tudo bem!
    No ano inteiro estes rapazes nunca mais foram a noite para a escola,e todos os dias saia uma fumaça da porta do zelador e depois deste fato mais ninguém quis ir a noite para a escola.
    Nome:Jean Taric
    Turma:81

    ResponderExcluir
  15. Diretora e alunos

    Existe uma grande briga entre diretores e alunos,pois sempre tem um aluno que vem sem o uniforme.
    Mas às vezes parece que a diretora só vê alguns alunos, sempre tem um ai que vem só com uma parte do uniforme ,mais as vezes nem com uma parte vem,e a diretora faz que nem vê eles.Todos acham isso muito errado,pois alguns alunos levam um monte de chingão em quanto outros não levam nem um.
    Ah!Também têm as crianças,elas vêm sem o uniforme e ninguém os chinga ou manda bilhete para os pais,e elas vão se acostumar a vir sem o uniforme e quando elas crescerem vão achar que podem vir sem o uniforme,porque nunca levaram chingão.A diretora tem que cobrar de todos não só de alguns e ela não esta fazendo isso.
    Nome:Daiana Stumpf
    Turma:81

    ResponderExcluir
  16. O problema de Maria


    Assim como todos tem seus problemas, Maria tinha os seus.
    E se referir um lugar onde está o maior problema de Maria seria na escola dela que se chama Thuistty.
    Nem sempre é a certa, e nunca se cala, mais ultimamente ela anda muito mais calma que antes!
    Na escola dela, por ela ser bonita, criativa, inteligente, muito elegante, bastante nojenta muito antipática, divertida, festeira e muito loca. As meninas que não gostam nenhum pouco dela por não se conterem costumam criar motivos de implicâncias e brigas que pra Maria se resume em ‘inveja’.
    Maria não se abala e nem se cala, não gosta de brigas mais também não aceita qualquer tipo de avença!
    Ela mostra ser muito briguenta por não se conter quando há muita raiva. Mais no fundo ela só queria entender do lado das meninas o motivo de tanto ódio. Que pra Maria a resposta mais óbvia seria ‘inveja’!
    Certo dia ela se colocou a pensar em sertãs coisas que a diziam do tipo:
    _Maria seja mais calma mude esse teu geito de ser, se não você vai ficar sozinha e sem amigos.
    _Maria não de bola a essas coisas bobas e tolas fique no seu canto e quieta.
    Por mais que fosse verdade tudo aquilo, Maria sabia que mudar seria difícil e ruim a ela pois aquilo não o fazia mal. Ela só não intendia qual era o problema que avia nela que criava todo esse motivo com as meninas ...(?)
    Muitas brigas ela teve, e em todas elas, nunca seria o começo da parte dela. E a diferença entre o problema e Maria era que na opinião de dela, escola era um lugar onde alunos que tem objetivos buscam quererem ser alguém no futuro e não um lugar aonde alunos perdem tempo procurando motivo de implicâncias e alguém para se invejar!
    Em tudo isso em 8 anos de estudos isso nunca afeto o seu aprendizado pois ela nunca se deixo levar e sempre correu em busca do seus objetivos pois o maior deles era estudar muito se formar para ter uma vida digna.

    Muito obrigada pela atênção beijso beijso !

    Andriele Fernandes

    ResponderExcluir
  17. Escola
    O que pensar quando o nome "escola" vem na nossa cabeça ?
    Muitos pensam e acham escola um lugar bom, principalmente os pais que obrigam os filhos a ir todo o dia na aula, Já que os filhos não acham o mesmo. Uns gostam de ir pelo simples fato de bagunçar, incomodar e discutir com os professores, outros preferem estudar, no qual são chamados de "NERDS" pelos bagunceiros .
    Na escola muitos ganham apelidos que não agradam os que são apelidados. Tem os populares da escola, os pegadores, os emos, mas não dá pra saber muito o estilo de cada um por causa do uniforme.
    Uma menina de 14 anos chamada Caroline mudou de escola mas não conseguiu se enturmar pois é muito quieta, até no colégio que ela estudava antes, mas ela tá gostando muito por que tem que usar uniforme e é municipal e não estadual, as matérias são mais fáceis.
    Antes quando ela estudava no colégio antigo não gostava de ir na aula, faltava muito, discutiu com os professores,não fazia nada.
    Agora ela mudou para uma escola municipal não vê a hora de passar rápido, para ir a escola no outro dia, ela gostou muito , pois no outro colégio sofria "Bullyng", mas resumindo está tentando se enturmar, pena que é o último ano dela nessa escola.
    A escola não é um bicho de 7 cabeças como no prézinho, que agente chora e não quer ir mais.
    Alguns jovens não gostam dos professores "há porque ele pega muito no meu pé" não deixar de usar o celular dentro da sala de aula, acabam discutindo com o professor por pouca coisa, e ainda levam uma bela de uma ocorrência. Deu pra entender um pouco de como é a escola, é uma fase na nossa vida que passamos por certas dificuldades, encontramos amigos, começa com 6 anos e muitos terminam com 17 ou mais, é uma lembrança que fica para sempre, e não tem como esquecer.

    "De fato, a escola é um lugar bom."

    Nome: Lúcia
    Turma:81

    ResponderExcluir